Lazio na Europa League: risco de punição da UEFA por racismo

Torcida da Lazio racismo Europa League

A Lazio pode ser até expulsa da Europa League 2019-2020 por causa de cantos racistas de sua torcida. O incidente aconteceu na segunda rodada da fase de grupos contra o Rennes, em Roma, em 3 de outubro. A Lazio venceu o jogo por 2×1.

Conforme reporta o Sky Sports, a UEFA “abriu um procedimento” para estudar o caso e avaliar a gravidade das agressões. Isso significa que a Lazio pode ser prejudicada com, no mínimo, o afastamento de um torcedor e, no máximo, a expulsão da Europa League.

O comunicado oficial da entidade pauta o acontecimento pelo artigo 14. Como dito, a pena mínima é aplicada quando os indivíduos são identificados. Nesse caso, a pessoa é banida de até 10 jogos. Caso seja um grupo, o setor inteiro pode ser fechado.

Quando o time é reincidente, a situação piora bastante. As punições vão sendo mais rigorosas ao passo que as ofensas se repetem. Para a Lazio, a denúncia da UEFA pode resultar em:

  • um jogo sem torcida e multa de 50 mil euros;
  • penalização por pontos;
  • caso o juiz decida parar uma partida em razão de coros racistas, o time ofensor será declarado perdedor;
  • exclusão da competição

A notícia chega para assustar os torcedores biancocelesti. Péssimo exemplo na Serie A, a Lazio é recorrente em matérias que denunciam racismo no futebol italiano. Nesta temporada, em especial, os casos de preconceito e outras agressões têm se repetido constantemente. A expectativa é que a federação siga os passos da UEFA.


Comentários

Comentários

Top