‘Volta do campeonato italiano é utopia’, diz Tommasi

Tommasi sobre volta do campeonato italiano

No que depender da opinião de Damiano Tommasi, presidente da Associação de Jogadores da Itália, o campeonato italiano não voltará. A edição impressa do jornal romano Il Messagero trouxe uma entrevista com o ex-jogador sobre calendário em meio ao surto de Coronavírus.

Nos últimos dias, o noticiário começou a repercutir o desejo de alguns times de voltar a campo na próxima segunda, 23 de março. Pelo menos para realizar treinamentos.

Para Tommasi, no entanto, essa intenção está completamente descolada da realidade na Itália:

Em um país que faltam enfermeiros, falar do retorno de atividades esportivas é um luxo. Não percebemos o que está acontecendo. A volta do campeonato italiano é uma utopia

Damiano Tommasi, presidente da Associação de Jogadores da Itália, ao Il Messagero

A decisão do presidente, destacada nesta entrevista, não é nova. Ainda no início da pandemia, segundo ele mesmo, a ideia era que a Serie A não realizasse jogos nos dias 7 e 8 de março.

Um erro [realizar jogos em 7 e 8 de março]. Eu procurei fazer o presidente da federação entender rapidamente, e me disse ‘não’.

Damiano Tommasi, presidente da Associação de Jogadores da Itália, ao Il Messagero

Seguindo o tom de Tommasi, restam poucas saídas para a temporada 2019-2020, daquelas três já conhecidas. As possibilidades vão de realização de play-offs (mata-mata) ao simples encerramento do torneio do jeito que está.

Sobre os presidentes dos clubes que ainda desejam resgatar o calendário, Tomassi é categórico e irônico:

São como os músicos do Titanic, que continuam a tocar enquanto o navio afunda. Se não entendem que a situação é séria…

Damiano Tommasi, presidente da Associação de Jogadores da Itália, ao Il Messagero

Comentários

Comentários