Sarri sobre scudetto: “o Napoli precisará de uma pitada de rabo”

Sarri Napoli Cagliari Campeonato Italiano-

No que depender do técnico Maurizio Sarri, o Napoli precisará de uma certa ajuda do universo para levar o scudetto. O treinador voltou a ser destaque na entrevista coletiva, desta vez após vitoria de sua equipe sobre o Cagliari, por 5×0, na última rodada do campeonato italiano.

Dono de um humor ácido sempre que é entrevistado, Sarri viu sua equipe abrir 4 pontos na classificação da Serie A 2017-2018. Isso porque a Juventus tem um jogo a menos. O confronto com a Atalanta, válido para essa rodada, foi adiado em razão de nevasca em Turim.

Em seu blog, o jornalista Gianluca di Marzio reproduz um depoimento bem irreverente de Sarri. Aos microfones da Sky Sport, ele confessou esperar algo a mais, caso chegue ao final com a mesma pontuação da Juve. Assim como Gattuso, que disparou contra Kolarov, o técnico do Napoli não poupou palavras:

“Eu tenho que me concentrar em todos os jogos, exceto aquele da Juventus, que se prepara somente na cabeça dos jogadores. Falta muito para pensar que uma só partida pode definir o campeonato. Precisaremos de até mesmo uma pitada de rabo.”

Sarri: do cigarro à simplicidade

Quem assiste ao campeonato italiano conhece a combinação envolvendo estádios de futebol e cigarros. Ainda assim é inevitável não se surpreender ao ver Sarri fumando em pleno campo de jogo. Sim, ele faz isso.

Seu maior desfruto de liberdade de arbítrio aconteceu também na partida contra o Cagliari. O segundo gol do Napoli estava sendo analisado pelo VAR e, quando focalizado, Sarri já preparava para acender um cigarro. Durante a partida!

Embora pouco importe para o futebol, apenas para o politicamente correto, tal postura colabora para aumentar ainda mais o número de admiradores do “Sarrismo”. A simplicidade, honestidade e a capacidade de fazer o time gostar da bola.

Além do cigarro, na mesma partida diante do Cagliari, podemos ver outra particularidade. No lance do  terceiro gol, absolutamente todos os jogadores do Napoli tocaram na bola, de Reina a Hamsik.

 

Comentários

Comentários

Top